Confira como funciona o aplicativo que emprega bicicleta como meio de transporte

O trânsito das grandes cidades é algo que dificulta diariamente a vida de milhares de pessoas. Some-se a isso o fato desses locais serem poluídos pela emissão de gases dos veículos que por lá transitam. Um mecanismo promete atenuar de uma só vez os dois problemas. Trata-se do Bikxi, um aplicativo que atua promovendo serviços de carona.

O viés de preservação verificado com o uso do recurso ocorre justamente pelo fato de mais pessoas deixarem de usar carros e outros veículos que empreguem combustíveis. Os serviços prestados contam com motoristas profissionais em bicicletas com mais dois lugares para os passageiros.

Conforme notícias sobre os desenvolvedores do aplicativo, houve grande preocupação quanto ao fornecimento de um serviço de mobilidade urbana que permitisse uma nova opção, sobretudo para quem vive ou trabalha em grandes centros urbanos. Assim sendo, o usuário solicita tais serviços através do emprego do aplicativo, assim como já ocorre em outros segmentos. Mesmo tratando-se de bicicleta, não é necessário que os usuários pedalem.

Segundo Danilo Lamy, idealizador do aplicativo, o trânsito da cidade São Paulo lhe causava grande descontentamento. Além disso, ele estava bastante insatisfeito com os meios de transporte que hoje existem na capital paulista e decidiu tomar uma atitude quanto a isso. Considerando que se perdia muito tempo diariamente, ele começou a pensar em algo tecnológico para impedir que isso ocorresse.

Lamy ressalta que as bicicletas empregadas costumam ser mais rápidas do que os outros veículos em circulação na cidade. Para utilizar o serviço basta que o usuário baixe o aplicativo, que funciona a partir dos principais sistemas operacionais existentes. Após esta etapa, é preciso realizar um breve cadastro, bem como fornecer o número de um cartão de crédito.

As bicicletas do Bikxi percorrem um total de 20 quilômetros pelo município de São Paulo, passando pelas principais regiões da cidade. Dentre os locais abrangidos pelo serviço, estão o Morumbi, Ibirapuera, Ceagesp, etc.

O ato de pedalar é algo opcional para os usuários, pontua Lamy. Com isso, quem solicitar o serviço chegará ao seu destino sem a necessidade de se fazer qualquer esforço para isso. O empresário também ressalta que com essa escolha o meio ambiente passa a ser preservado.

Saiba mais:

https://www.terra.com.br/noticias/tecnologia/novo-app-une-novos-meios-de-mobilidade-e-sustentabilidade,2c623e4ad8233940a7482c5b7da395b7yqaxrif6.html

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *