Número de turistas no Réveillon carioca aumentou mais de 11%

A festa de Réveillon na cidade maravilhosa esse ano, apresentou um número maior de turistas e fez com que quase dois bilhões de reais fossem injetados na economia carioca, um aumento significativo de 19,2% em relação ao ano anterior, segundo informações de Sérgio Sá Leitão, ministro da Cultura. Esses dados foram divulgados em uma entrevista do ministro, de acordo com informações de uma pesquisa realizada pela FGV (Fundação Getulio Vargas).

Essa foi a primeira vez que uma pesquisa desse tipo foi realizada, mostrando que o Réveillon carioca recebeu mais de setecentos mil visitantes, um aumento de cerca de mais de 11% em relação ao Réveillon de 2017.

Entre esses visitantes, cerca de 614 mil foram turistas nacionais e 93 mil eram turistas de outros países. A pesquisa também mostrou que os visitantes estrangeiros ficaram cerca de seis dias em média no Rio, gastando em torno de R$ 329 por dia. O turista nacional permaneceu por cerca de cinco dias em média na cidade, gastando por dia em torno de R$ 287.

O país que mais enviou turistas para a festa de Réveillon no Rio, foi a Argentina. De todos os visitantes estrangeiros,

33,1% eram argentinos, seguidos de europeus com 21,4% e de chilenos, com 10,7% do total.

Entre os visitantes nacionais, a maior parte foi formada por paulistas, com 41,4%, seguidos dos mineiros com 16,3%, e 6% vieram do Distrito Federal. Os hotéis da cidade do Rio de Janeiro comemoraram os números positivos da chegada de 2018, quando a taxa de ocupação chegou a 98% das acomodações.

O estudo concluiu ainda, que as taxas de emprego que foram geradas, também aumentaram cerca de mais de 9% em relação ao ano anterior, com quase 49 mil vagas preenchidas para a realização da festa de Réveillon. Os valores apresentados em arrecadação tributária também cresceram cerca de 9,2%, onde R$ 115 milhões foram arrecadados na cidade somente neste período.

Ainda na opinião do ministro da Cultura, as consequências da festa foram positivas e comprovam a capacidade que a cidade do Rio de Janeiro apresenta em relação ao turismo. Ele ainda acredita que  com novos eventos  esportivos, culturais e na área de negócios acontecendo na cidade, o Rio poderá voltar a ser uma cidade próspera e desenvolvida economicamente.

 

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *