Petrobras começa 2018 com novos reajustes no preço dos combustíveis

Já na primeira variação que ocorreu em 2018, o preço da gasolina destinada às refinarias sofreu uma queda de 0,1% no dia 3 de janeiro deste ano. As informações foram divulgadas pela Petrobras, que é responsável pelos reajustes que ocorrem no preço dos combustíveis aqui no Brasil. No caso do diesel, o reajuste foi de alta, e elevou o preço do combustível para 0,6% já nos primeiros dias deste ano.

O preço dos combustíveis sofreram variações no dia 30 de dezembro de 2017, quando a gasolina buscou uma alta na casa de 1,9%, e o diesel uma alta de 0,4% na mesma ocasião. Conforme o argumento utilizado pela estatal para reajustar o preço de combustíveis e gás natural no país, esse reajuste também segue um maior alinhamento com as cotações diárias do mercado internacional. Em busca de conseguir alcançar os objetivos, a estatal passou a adotar esta prática de reajuste e conseguir se fortalecer diante do mercado externo. Também visando que tais reajuste não prejudique sua participação diante do mercado interno, a Petrobras confirma que “tem como base o preço de paridade de importação, que representa a alternativa de suprimento oferecido pelos nossos principais concorrentes para o mercado”.

De acordo com a estatal, as alterações ocorridas no mercado interno são bem avaliadas em cada decisão tomada. “Avaliamos frequentemente se haverá manutenção, redução ou aumento nos preços praticados nas refinarias. Sendo assim, os ajustes nos preços podem ser realizados a qualquer momento, inclusive diariamente”, afirma em nota a Petrobras.

Mesmo com os reajustes no preço dos combustiveis ser feito diretamente às refinarias, o preço cobrado nas bombas de combustíveis tendem ou não a sofrer variações para o consumidor final. Isso depende de cada estado e região do país, pois a variação dos preços é de acordo com cada localidade.

A última redução no preço da gasolina foi no dia 27 de de dezembro de 2017, quando na ocasião, a redução do preço da gasolina foi de 0,4%. O preço do diesel teve uma alta na mesma ocasião, atingindo 1,1% e 0,9% de alta no dia seguinte.

 

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *