Setor agropecuário registra alta de 115,2% em exportações no mês de novembro

O mês de novembro de 2017 registrou um crescimento de 115,2% no volume total de exportações realizadas a partir de produtos agropecuários brasileiros. O registro de crescimento é uma comparação com o mês de novembro de 2016.

A alta de 13,3% registrada nas exportações brasileiras também no mês de novembro deste ano, foi impulsionada em grande parte pelo setor agropecuário do país, segundo os dados da FGV – Fundação Getulio Vargas, que mediu o número de exportações a partir do Indicador de Comércio Exterior.

Dentre as exportações realizadas no mês de novembro deste ano, o setor da indústria da transformação registrou uma alta de 5,4% nas exportações em uma comparação com o mesmo mês em 2016. Já a indústria extrativa do país registrou uma alta de apenas 0,2% também no mesmo período.

Segundo o Indicador de Comércio Exterior, os produtos que mais foram exportados no mês de novembro deste ano foram os bens de consumo duráveis, com um total de 27,8% das exportações. A segunda categoria de produtos exportados com o maior número de exportações durante o período foi o de bens intermediários, que são os produtos do setor produtivo, com um total de 15,7% das exportações de novembro. Já as máquinas e equipamentos, que compõem os bens de capital, registraram uma queda de 10,7% no número de exportações no mês de novembro em comparação com o mesmo mês do ano passado.

Em relação ao preço dos produtos que foram exportados durante o mês de novembro de 2017, a FGV divulgou que houve uma queda de 2,6% no preço dos produtos brasileiros. Os valores também foram comparados com o mesmo mês do ano passado.

Segundo a FGV, o principal motivo que fez o preço dos produtos exportados recuar foi o preço da soja, que registrou um recuo de 11% na mesma comparação. Já o preço dos produtos agropecuários registrou uma queda de 7,6% em novembro deste ano.

Durante o mesmo período, o número de importações realizadas no país teve um crescimento de 20,2%, comparado a novembro do ano passado. O que significa um número maior de importações do que exportações em novembro de 2017. Dentre as importações, a indústria extrativa foi a que mais registrou alta, com 37% das importações. Seguida da indústria da transformação com 17,9% das importações durante o período.

 

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *