Orçamento federal irá liberar R$ 7,51 bilhões em recursos arrecadados em 2017

Devido a uma eficiência observada na forma com que o governo vem realizando os gastos públicos no Brasil, e com uma maior carga tributária praticada em 2017, o governo irá liberar R$ 7,51 bilhões que estavam bloqueados junto ao orçamento federal em 2017.

Esses dados foram divulgados pelo Ministério do Planejamento, Desenvolvimento e Gestão no dia 17 de novembro deste ano, que apontam uma expectativa de melhorias no atendimento da população nos serviços públicos devido a injeção deste valor.

“Nós vamos privilegiar o atendimento das necessidades de funcionamento dos órgãos e do pagamento de obras em andamento. A situação da maioria dos órgãos é de realmente um aperto orçamentário muito duro”, explicou Dyogo Oliveira, ministro do Planejamento, Desenvolvimento e Gestão.

Para se chegar a esse valor liberado e voltado para recursos aplicados no país, a receita líquida praticada no país aumentou R$ 4,97 bilhões este ano. Também valores referente a leilões de hidrelétricas e de petróleo, que atingiram a casa dos R$ 2,61 bilhões com os leilões, junto a devolução dos precatórios que atingiu a casa dos R$ 2,71 bilhões que somaram e retornaram aos cofres públicos.

Esse são alguns dos principais fatores que levaram ao aumento da arrecadação, e devido a isso, o ministério prevê que irá haver uma redução de gastos em torno de R$ 2,53 bilhões, que foram ocasionados por menos gastos com seguro-desemprego e o abono salarial em 2017. Isso também levou a uma redução de despesas em 2017 de R$ 32,2 bilhões para R$ 24,7 bilhões gastos.

Segundo o ministro, a aplicação desses recursos de forma distribuída aos órgãos governamentais de todo o país, passará por uma reunião para ser detalhada essa distribuição de forma concisa. A previsão é de que seja concluído os parâmetros de distribuição desse dinheiro até o início de dezembro deste ano. O governo ainda pretende cortar mais gastos este ano a fim de reduzir mais os rombos nas contas públicas, tendo como meta fiscal em 2017 o déficit de R$ 159 bilhões.

 

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *